Editora Tribo das Letras

(Resenha) Risco Calculado - Elaine Elesbão

terça-feira, novembro 03, 2015



Título: Risco Calculado
Autor (a): Elaine Elesbão
Gênero: Romance
Editora: Tribo das Letras
Número de Páginas: 255
Ano de Publicação: 2015
Onde Comprar: Loja
Skoob: Adicione
Classificação: 5/5 ♥ 

Sinopse: Quando Valentina completou doze anos, seus pais a entregaram a um padrinho para que ela pudesse receber uma boa educação e desfrutasse de uma vida melhor. 


Os anos se passaram e Valentina se transformou em uma bela mulher. O seu padrinho, Hugo, sempre tão atencioso, tornou-se a sua grande paixão e em seus braços ela descobriu o prazer. 
A questão é que Hugo Rosenthal, que utiliza o sexo como forma de demonstrar força e superioridade, sente um amor doentio por Valentina e é capaz de qualquer coisa para não perder o domínio que tem sobre ela. 

Determinada a conquistar a sua independência e a trilhar o seu próprio caminho, Valentina elabora um arriscado plano e foge, mas sabe que o seu passado não a deixará em paz. Conhece muito bem Hugo e os métodos que ele utiliza para conseguir o que quer e teme que o pior aconteça.
Enquanto Valentina luta para chegar ao seu propósito, conhece Max, um doce e gentil veterinário, e todas as suas certezas são abaladas. Se o sexo para ela já foi jogo, armadilha, dominação, o fundo do poço... Com ele é abrigo, aconchego, paz, plenitude, lar. 
Risco Calculado é uma história de amor, de vários tipos de amor, mas é também uma história de ódio. E quando esses dois sentimentos se confundem ou se confrontam tudo pode acontecer...



RESENHA


Duas coisas que aprendi como leitora: a primeira é que com o tempo a gente fica mais exigente e a segunda é que agente aprende a reconhecer as escrita dos nossos autores preferidos ou daqueles que lemos com mais frequência. A resenha de hoje é de um livro vindo da nossa parceria com a Editora Tribo das Letras, mas antes de tudo da parceria leitora/fã (eu) e autor (Elaine); um livro que pela sinopse, eu já sabia que seria díspar da seu projeto anterior (a série A Escalada de Eva). 
Quando terminei de ler Risco Calculado, pedi a mim mesma um "tempo" pra reunir minha opinião, daí a demora para resenhar, as vezes você precisa de proximidade para interpretar algo e ao mesmo tempo, um certo distanciamento para olhar a "situação" e dar uma opinião mais consistente e precisa. O que posso dizer, RC me deu a sensação de soco no estomago, tristeza pelo que não se pode remediar, e esperança de superação; e ao mesmo tempo me fez lembrar de Hamlet (Shakespeare) e de um provérbio chinês bem clichê, mas bem pontual ao livro: "Há três coisas que nunca voltam atrás: a flecha lançada, a palavra pronunciada e a oportunidade perdida." 
Na resenha comumente desenvolvemos um texto de segue o enredo da estória, e ao final emitimos nossa opinião, vou fugir um pouco a essa métrica, e pontuarei minha opinião final.
Vamos ao veredito?



Três coisas que absorvi com a leitura de Risco Calculado:

A vingança é um sentimento que nos alimenta de ambos os lados, seja pela luta de "vencer" aquilo que nos fez mal, seja por alimentar o pior que há dentro de nós;

Reafirmei com a leitura de RC,que superação é algo que tem de vir de dentro para fora, e não algo que apenas dizemos de forma fazia ou que ouvimos como conselho;

O amor realmente supera tudo, não o amor ao outro, mas inicialmente o amor próprio, se ele não existe não há como amar os outros de maneira plena.



Sim nem tudo que parece é, e Valentina aprende isso a duras pena, ainda muito criança é dada aos cuidados do "padrinho", Hugo, a quem considera um bom homem, e seu salvador, dentro de uma realidade de pobreza e privações. Ela cresce tendo o melhor que o dinheiro pode dar, depois de crescida, para uma criança ela aprende a ler e escrever, e aprende a ver o mundo de outra maneira, torna-se uma leitora e aprendiz voraz e vê no "tio" um homem exigente com sua educação e ao mesmo tempo carinhoso e preocupado com seu aprendizado.



Com o passar dos anos, e chegada da adolescência, Valentina vê não só o "padrinho" que lhe ajudou a se transformar numa nova pessoa, mas também o homem atraente que começa a desejar. O problema é que a muito Hugo a deseja, e de maneira muito possessiva e dominadora. Com Hugo, Valentina passa a descobrir o prazer e o "amor", ou a ideia que ela tem dele, só que com o casamento e o passar dos anos, Hugo torná-se obcecado em manter Valentina somente para ele e longe do mundo...
Alguns anos e acontecimentos depois, Valentina percebe que o que Hugo tem por ela, é várias coisa, mas não amor, os anos lhe deram maturidade e mais senso crítico, além de uma beleza lapidada não só pela genética mais também por algumas intervenções, inclusive no seu peso, que Hugo controlava de maneira sistemática. 
Como viver uma vida onde não se pode decidir nada, o que vestir, comer, seu cabelo ou amizades?



Valentina resolve escapar dessa realidade e experimentar uma nova vida, onde possa decidir o que vai ser e como conduzir sua vida, e é aí que entra Max aíiiiiiiiiiiiiii (suspiros), e põe o mundo de Valentina, que nunca seguiu uma ordem muito usual, de pernas pra o ar...

Com uma trama cheia de suspense, amor, desilusão, raiva, violência e humilhação, Elaine nos conduz por esse estória cheia de nuances e reviravoltas, que nos faz contestar "certezas" e mudar de opinião. 
Com certeza, uma das melhores leituras que fiz esse ano.


Booktrailer:





Postagens Relacionadas

0 comentários

Obrigado por comentar no blog!
Volte sempre!

Facebook

Google Plus

Novidades Por E-mail

Arquivo do blog