Quadrinhos

[Resenha] Um Novo Amor? - Turma da Mônica Jovem.

sexta-feira, agosto 14, 2015




Título: Um Novo Amor - Turma da Mônica Jovem / Nº 82
Ano de Lançamento: 2015
Gênero: Quadrinho / Mangá
Páginas: 130 - Primeira Edição
Editora: Panini
Onde comprar: Buscapé 
Classificação: 2/5 ♥













Considerações: Maurício de Souza


A ficção cientifica, como nós a conhecemos, está em vias de se chamar qualquer coisa, tipo realidade cientifica. A cada nova conquista tecnológica, depois do assombro imediato, vem a sensação de que demos mais um passo em direção à nossa ligação com o cosmos. Com o infinito em termos de consciência. Milhares de anos... ou milhões se passarão para a criatura do conhecimento  pensante (hoje nossa espécie).


Migrar para o espaço do todo possível. É um pensamento confuso, sem apoio lógico ou científico à luz do conhecimentos atuais? Talvez. Mas já temos uma pista indicando esse caminho:a chamada nuvem de internet. Local mágico fora do tempo e do espaço onde se concentra, hoje, toda a cultura da humanidade. Pulsando de energia a cada carga de informações lançada até ela. Se seres alienígenas dotados de  tecnologia adiantada pudessem sugar o conhecimento que se avoluma na nossa nuvem, teriam o o mapa do conhecimento humano à sua disposição. 


Acompanhariam nosso crescimento intelectual como uma novela, sem dúvida interessante, curiosa, afinal somos criaturas inteligentes, criativas e caçadoras de emoções. Não fosse assim, não estaríamos o tempo todo sonhando com novas e inéditas realidades. E tentando faze-las existir. Somos os caçadores da ex-machina(*). Desde a fantasia de nossas fábulas infantis até a doideira dos games mais arrojados. É nosso Deus interior em busca do Deus Palpável, breve acessível, na inteligência artificial. Vamos viver para tocar essas maravilhas. Vida longa à curiosidade humana. 

(*Expressão latina de origem grega que significa literalmente Deus surgido da máquina).







Minha opinião


Esse foi um H.Q que eu particularmente não curti muito, justamente pelo tema que envolve ficção cientifica, gênero que realmente não faz meu gosto. A capa e o inicio na história pode parecer, ou, sugerir uma história de amor, mas na verdade não é nada disso, pelo menos não da forma clichê que estamos acostumados. 




A história até lembra um pouco um game chamado Starcraft, que segue a linha de estratégia militar e ficção científica. O livro gira mais em torno do cebola jovem que se interessa por uma jogadora misteriosa que acaba entrando para o time dele, isso acontece on line, e Cebola acaba mais interessado pela nova colega de game misteriosa e começa uma aventura para tentar descobrir quem ela é realmente.  E é mais ou menos isso, e a partir daí a trama vai se desenrolando. Ainda não sei se tem continuação, mas logo volto para contar mais para vocês. 






Postagens Relacionadas

4 comentários

  1. Respostas
    1. Oi Mel, eu gosto de todas as fases da Turma da Mônica!

      Beijão,
      Vivi.

      Excluir
  2. Nãaaaaooo!!!
    Mônica e Cebolinha foram o primeiro exemplo de "romance infantil" que a nossa geração teve! Todo mundo sempre soube que toda aquela briga ia terminar em casamento.
    Não podem estragar nossos sonhos de infância! Como vou acreditar no amor agora? hehehehe

    Beijos,
    Andréia Campos
    http://petitandy.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Andéia, (risos), pelo visto você ainda não sabe não é mesmo?
      A Mônica agora está com o personagem Do contra. Eles são um casal na fase jovem. Até quando eu não sei, o Cebola está sempre com ciúmes, hehehe. Esse gibi não é bem o que parece.

      Beijos,
      Vivi.

      Excluir

Obrigado por comentar no blog!
Volte sempre!

Facebook

Twitter

Twitter